Fatos interessantes sobre a solidão

solidão

Solidão não depende da quantidade de amigos ou relacionamentos em geral você tem, e sim da QUALIDADE (que é, no caso, subjetiva, isto é, varia de pessoa para pessoa) destas relações.

Grande parte das pessoas que se sentem sozinhas estão casadas: Quando os casais não dividem os mesmos pensamentos, atividades e desejos, uma solidão grande é causada, pois o vínculo que casais têm no começo do relacionamento é grande e geralmente outros relacionamentos como amizade e família viram secundários. Logo, a pessoa se sente solitária não somente por causa do vínculo não mais tão grande com o parceiro, mas também porque o vínculo com as outras pessoas em geral foi diminuído.

Solidão distorce nossa visão de nossos relacionamentos: Pessoas que estão se sentindo sozinhas vêem os eventos sociais de uma forma mais negativa e acabam se afastando ainda mais das outras pessoas.

Solidão é visível: Estudos mostratam que as pessoas identificam as pessoas solitárias e se afastam destas em redes sociais, por exemplo. Pessoas amigas de pessoas solitárias acabam sendo afastadas do círculo social também.

A solidão faz mudanças drásticas em nosso corpo: Sofrer solidão aumenta a pressão e o colesterol, ativa mecanismos de resposta ao stress, aumenta as chances de doenças cardiovasculares e diminui a eficiência do sistema imunológico, deixando-nos mais propensos a ficar doentes.

Solidão de fato tem a ver com o frio: Estudos mostraram que pessoas solitárias de fato sentem o ambiente mais frio, e suas temperaturas da pele são menores do que as pessoas não são solitárias.

Solidão é tão perigosa quanto fumar cigarros: A solidão aumenta a chance de uma morte prematura em 14%

Portanto, solidão não é algo para ser ignorado ou ser visto como drama. Solidão pode ser muito mais sério do que você imagina.